Posts com Tag ‘SNJ’

Sem sombra de dúvidas o grupo de Guarulhos SNJ (Somos Nós a Justiça) revolucionou, na metade da década de 90, o rap brasileiro. Letras abordando temas fora do insistente “espreme que sai sangue”, que até então dominavam o cenário na década de 80 e 90. O single “Mundo da Lua” de 1996 marca o antes e o depois do rap positivista trazendo uma nova proposta nas bases, nas rimas e principalmente no estilo, saindo do rap “gangsta falado” e dando mais dinamismo no flow.

Coloco no StralaRap o show do Sombra, ex-integrante do SNJ, que, segundo o autor que postou o vídeo, foi realizado na galeria Olido em 2007 com clássicos como Razante Louco, Mundo da Lua e Mano Eu Vou Ali Comprar um Chá.

Som que não sai do meu mp3 é esse disco “Sem Sombra de Dúvidas” de 2006 (trabalho solo do Sombra). Enjoy!

Sombra – Só o Pó

Sombra – Mundo da Lua

Sombra – Razante Louco

Sombra – Mano Eu Vou Ali Comprar Um Chá

 

por JJota

No inicio da década de 90, no bairro Jd. Fortaleza situado no município de Guarulhos zona norte de São Paulo, surge o grupo de rap SNJ (Somos Nós a Justiça). Integrantes do primeiro disco: Sombra, Bastardo, Cabeça, Cris e na pick-up o DJ Wjay.

A primeira vez que ouvi o SNJ foi num vídeo de skate americano, o 411VM, e se não me engano foi no volume 28, na propaganda do skater Adelmo Juninho, um Sergipano que mora nos EUA, que aproveitou a aparição no vídeo para colocar um rap nacional como fundo musical. Quando começou aquela base de piano que cola na mente e aquela voz aguda do Sombra fiquei louco. “O que é isso? Quem são esses caras?”

Já corri atrás do disco e quando ouvi percebi que o rap brazuca entrava numa nova era. O grupo Somos Nós a Justiça definiu bem a sigla RAP como Ritmo Alternativo e Protestante. O som “Se Tu Lutas, Tu Conquistas” é um clássico, passando positividade sem palavrões e de maneira contagiante com um flow que empolga. Essa música pra mim representa uma mensagem que dá ânimo e motivação para enfrentar as dificuldades do dia a dia por mais difícil que pareça, o nome já diz tudo “Se Tu Lutas, Tu Conquistas”.

Esse disco contém faixas que abordam e desvelam de maneira criativa, vários assuntos pertinentes na sociedade como o enquadramento do ensino  nas escolas,  violência policial, mulher no rap, indústria cultural e o entretenimento através do Rap. A faixa “Viajando na Balada” é daquelas que além de empolgar fala sobre o ensino distorcido nas escolas comparando com as produções hollywoodianas que visa o lucro através de um condicionamento numa realidade ilusória.

Confira o clipe “Viajando na Balada”

O SNJ conseguiu inovar, entreter e protestar num mesmo disco, vale à pena ter um disco progressista como esse, tanto para entreter como para refletir.

download AQUI

Clique e conheça mais SNJ no Myspace

Clique e baixe a música “Viajando na Balada”